orientações


orientações

Consulta médica

O médico radioterapeuta irá examinar o paciente e realizar a anamnese clínica, que é o resultado de uma série de perguntas, associadas ao exame físico, e que tem como objetivo principal tomar conhecimento de tudo o que ocorreu e tem ocorrido com o paciente. A partir daí, poderão ser solicitados exames complementares para melhor definição das áreas comprometidas e que deverão ser irradiadas.

Planejamento

Após a consulta é definido o melhor protocolo, forma e prescrição de dose do tratamento. Na programação do procedimento, pode ser utilizado um aparelho chamado tomógrafo, que ajuda o médico a delimitar a área a ser tratada no computador de planejamento, ou marcando a pele com tinta e adesivos, a fim de direcionar a localização do paciente no aparelho. As marcações da pele não devem ser retiradas antes do término do tratamento, mas caso o paciente perca as marcas acidentalmente, elas NUNCA devem ser recolocadas pelo próprio paciente, ocorrendo, nesse caso, uma nova

marcação.
Em alguns casos, uma máscara termoplástica ou colchão a vácuo poderão ser confeccionados, para ajudar a manter a mesma posição durante a aplicação, bem como outros acessórios que o médico julgar necessários.

Física Médica

A ficha de programação do tratamento é encaminhada para a sala da Física Médica, onde são feitos os cálculos da dose prescrita pelo médico e a melhor forma de direcionar os feixes de radiação. Também são desenvolvidos programas de controle de qualidade dos tratamentos e dos equipamentos.

Consulta de Enfermagem

É um momento de interação entre o paciente, o familiar e o enfermeiro, que explica o tratamento e esclarece as dúvidas. Assim, ao cuidar dos pacientes submetidos à radioterapia, a enfermagem os orienta sobre avaliações periódicas, que são feitas sempre que necessário, e acerca de possíveis efeitos colaterais e cuidados necessários para diminuir as toxicidades, muitas vezes, inevitáveis.

Tratamento

Durante a aplicação o paciente ficará sozinho na sala de tratamento, posicionado na mesa do equipamento. O técnico responsável estará na sala de controle. O paciente permanecerá deitado sobre a mesa durante toda a sessão, que dura, em média, de 5 a 20 minutos, e deverá ficar o mais imóvel possível. As aplicações ocorrem uma vez ao dia, durante cinco dias da semana, de acordo com o número de aplicações planejadas.